bot ouca radio2

banner dengue

BBB19: para Maycon ‘mulher só deve sair de casa para casar’

Em mais uma declaração polêmica no BBB 19, Maycon afirmou, em conversa com Paula e Hariany sobre morar sozinha, que “mulher só deve sair de casa para casar”.

“Eu não tô falando de vocês, mas eu acho que para homem é diferente do que para mulher. Mulher eu acho que ela deve sair de casa só para casar. Quando eu tiver minha filha, eu acredito que ela só vai sair de casa…”, afirmou o mineiro. O papo rolou na manhã desta quarta-feira (13).

bbbbbbbb.jpg

Maycon continua com suas declarações polêmicas© Reprodução/TVGlobo Maycon continua com suas declarações polêmicas

Maycon ainda contou que “mesmo que eu casasse eu queria morar com a minha mãe”.

O discurso machista do vendedor veio depois de Paula falar que não mora sozinha porque não quer. Segundo a também mineira, morar sozinha “não agregaria em nada no seu futuro”.

O brother não concorda: “Agrega sim, Paulinha. Ser independente é uma coisa bem diferente do que você ficar independente na vida, tem amigo meu que se os pais morrerem, não sabe nem o que vai fazer na vida”. A confinada se defende: “Mas eu não sou assim, não, a gente é velho”.

Por segurança, jamaicano recebe prêmio de loteria usando máscara

Um homem que ganhou 158 milhões de dólares jamaicanos - o equivalente a R$ 4,3 milhões - em uma loteria da Jamaica foi buscar seu prêmio usando a máscara do personagem do filme Pânico.

O homem, que se identificou apenas como A. Campbell, demorou 54 dias para ir buscar seu prêmio de acordo com a Supreme Ventures, empresa que opera a loteria no país. O evento foi realizado no Spanish Court Hotel, em Kingston.

Segundo informou Campbell ao Jamaica Star, ele ficou doente após ganhar a premiação em novembro, e compareceu para reclamar o prêmio apenas em 5 de fevereiro, quando já estava se sentindo melhor.

"Eu gosto de lidar com dinheiro. Eu não peço, eu não empresto. Então, estou procurando coisas que podem me dar dinheiro. Tenho um pequeno negócio, então planejo fazê-lo maior, comprar um apartamento. Eu amo ter dinheiro", contou.

cambelle.jpg

Moro diz que repasses a candidatos do PSL serão investigados

O ministro da Justiça Sérgio Moro disse que os repasses de recursos utilizados em campanhas do PSL serão investigados. O Estado mostrou nesta quinta, 14, que sete candidatos do partido a deputado estadual e federal em Pernambuco repassaram R$ 1,2 milhão em recursos de campanha para a gráfica de um dirigente do próprio PSL.

sergiomoro.jpg

"Fatos serão apurados e eventuais responsabilidades serão definidas", disse Moro. "O presidente proferiu determinação e ela está sendo cumprida."

Apesar do valor declarado com impressão de materiais gráficos, o triplo do que foi gasto pelo presidente Jair Bolsonaro com o serviço, só um dos políticos foi eleito: o próprio presidente nacional do PSL, o deputado federal Luciano Vivar. À época dos repasses, quem estava à frente do PSL era Gustavo Bebianno, atual ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República do governo Jair Bolsonaro.

Bebianno vem protagonizando uma crise no governo em função das suspeitas de desvios de recursos do Fundo Partidário destinados ao PSL por meio de candidaturas laranjas em 2018. Na quarta, ele disse que não pretende pedir demissão.

Embora não seja vedada pela Lei Eleitoral, a contratação de empresas de dirigentes políticos com recursos do fundo partidário já foi criticada pela ministra Rosa Weber, atual presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). "À luz do princípio da moralidade, não há como admitir que sejam contratadas para prestar serviços ao partido empresas pertencentes a dirigentes dele", declarou ela no voto em desapovou parcialmente as contas de 2012 do DEM no ano passado.

O valor de Neymar: quanto ganha e qual o patrimônio do craque brasileiro

A ex-estrela do Santos está caminhando para se tornar um dos esportistas mais ricos de sua época, mas como seus ganhos se acumulam em comparação aos de Lionel Messi e Cristiano Ronaldo hoje?

neymar.jpg

Continue Lendo

62 milhões de brasileiros estão inadimplentes, diz SPC

O volume total de dívidas no Brasil recuou 0,29% em janeiro, após ter avançado 2,75% em dezembro. Ao todo, 62 milhões de consumidores estavam como CPF negativado, aponta um levantamento da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil).

contas.jpg

Segundo as entidades, o número representa um aumento de 2,42% na inadimplência. O índice de atraso nos pagamentos é menor que em dezembro de 2018, quando ficou em 4,41%. Cerca de 40% da população brasileira maior de 18 anos tem ao menos uma dívida em atraso.

O comércio e a comunicação registraram queda de 7% nas dívidas. Nos bancos o crescimento do volume foi de 2%, e na água e luz foi de 14%, um valor expressivo. “Este cenário só deve mudar quando a retomada da economia for percebida de fato pelos consumidores, ou seja, com a criação de novos empregos e o aumento renda”, observa o presidente da CNDL, José Cesar da Costa.

A economista-chefe do SPC Brasil, Marcela Kawauti, alerta “não é baixo o número de consumidores que, depois de sair do cadastro de negativados, acaba retornando. Isso ocorre porque, em muitos casos, a inadimplência tem origem no mau uso do crédito e da falta de controle das próprias finanças. Nesses casos, é fundamental que haja disciplina para fazer a gestão dos ganhos e dos gastos, além de se reconhecer os limites do próprio orçamento”.

A maior frequência de negativados continua entre os pagadores de 30 a 39 anos, que em janeiro somaram 17,6 milhões, o que corresponde a 51% da população nessa faixa-etária. A proporção de inadimplentes na faixa etária de 25 a 29 também é significativa, 44% da população têm o CPF restrito, entre os idosos, 65 a 84 anos, a proporção é de 33% e entre os mais jovens, de 18 a 24 anos, a proporção cai para 17%.

Diego rebate Hana e explica por que escondeu namorada no “BBB 19”

Eliminado do “Big Brother Brasil 19”, da Globo, Diego explicou no “Mais Você”, na manhã desta quarta-feira (13), por que decidiu ‘esconder’ que tinha uma namorada. O assunto foi bastante comentado nas redes sociais.

bbb19.jpg

“Eu tentei ao máximo não expor ela, tanto que fiquei total na minha na casa. Foi melhor para nós dois”, avaliou ele, acrescentando que estão juntos desde agosto do ano passado.

Aliás, o casal havia acabado de se conhecer quando o loiro foi selecionado para o programa. “No começo ela aceitou, mas não foi fácil”, contou o rapaz.

Questionado por Ana Maria Braga sobre possíveis paqueras na casa, o empresário garantiu que já tinha em mente respeitar a amada, identificada como Andressa. “Eu tava controlando muito bem meu sentimentos.”

Ainda sobre romance, Diego explicou as acusações de Hana de que teria a masculinidade frágil por ter ficado irritado ao ouvi-la dizendo “Diega”. O curitibano garantiu que não ouviu a provocação e que também não se importaria.

“Sou bem resolvido, tanto que não escutei ela falando ‘Diega'”, explicou. “Se não fui para cima das meninas, é porque eu tinha uma pessoa aqui fora, a quem respeito”, encerrou.

Aos 39 anos, morre Deise Cipriano vítima de câncer no fígado

Deise Cipriano morreu, nesta terça-feira (12), no hospital Instituto do Câncer, em São Paulo. A cantora do Fat Family lutava contra um tumor no fígado desde agosto do ano passado. A informação foi confirmada pela assessoria da cantora.

deise.jpg

De acordo com a 'Quem', a artista chegou a ser sedada e entubada pela manhã. Entretanto, entrou em coma e não conseguiu resistir ao tratamento da doença.

Deise havia se submetido à última sessão de quimioterapia no último dia 31 de janeiro. Debilitada, ela não estava reagindo bem ao procedimento e chegou a ter fortes náuseas, febre e dificuldade para se alimentar.

Globo se pronuncia sobre rumores do fim do ‘Encontro com Fátima Bernardes’

O TV Fama, da RedeTV, divulgou na segunda (12) que o programa de Fátima Bernardes está com os dias contados. Segundo a notícia, uma fonte próxima à emissora carioca disse que a jornalista ganharia um outro programa.

fatima.jpg

Fátima ocuparia as tardes da Globo, nos horários do Vídeo Show e da Sessão da Tarde. O formato seria uma combinação entre jornalismo e entretenimento e teria estreia para abril. Quem substituiria o Encontro seria Fernanda Gentil.

Procurada por CLAUDIA, a Globo negou e disse que “o programa não irá acabar”. A emissora, no entanto, não deu mais esclarecimentos sobre o assunto.

Suzane von Richthofen perde direito a saídas após flagrante em festa

Durante a saída temporária de Natal, Suzane Von Richthofen foi vista em uma festa. Por conta disso, a Vara de Execuções Criminais (VEC) de Taubaté suspendeu o direito ao benefício para a detenta. Ela cumpre pena na penitenciária de Tremembé (SP) após ser condenada a 39 anos de prisão pela morte dos pais, ocorrida em 2002. As informações são do G1.

syzana2.jpg

A punição aplicada tem validade para as saídas de Páscoa, Dia das Mães e Dia dos Pais. No fim do ano, ela informou à Justiça que iria para a casa da família do namorado, em Angatuba (SP), mas foi vista em Taubaté (SP) e foi detida pela Polícia Militar.

Não é a primeira vez que Suzane comete algum tipo de infração em suas saídas. Em 2016, ele informou um endereço falso na saída temporária de Dia das Mães e, como punição, ficou na cela solitária por 10 dias e respondeu a processo administrativo. Agora, em 2019, ela só poderá sair novamente do presídio, por conta de seu bom comportamento como detenta, no Dia das Crianças.

Governo estuda plano onde trabalhadores abrem mão de férias e 13º

O governo de Jair Bolsonaro (PSL) estuda plano de incluir na Reforma da Previdência – que é conduzida pelo Ministro da Economia, Paulo Guedes – um dispositivo que permitiria que trabalhadores abram mão no ato da contratação de direitos como férias, FGTS e 13º salário, como aponta matéria do O Globo.

BBS0zdH.jpg

Como a reportagem explica, esses direitos são considerados cláusula pétrea, não podendo o estado acabar com eles. A alternativa encontrada pelo governo seria dar condições para que o próprio empregado opte por abrir mão deles, ficando de fora da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

A base legal que será usada para isso é a reforma trabalhista, vigente há pouco mais de um ano, que permite que o acordo entre patrão e funcionário prevaleça sobre o legislado.

A intenção do governo com esse plano seria reduzir encargos para empregadores e estimular a geração de emprego, especialmente para os jovens, que também devem ser enquadrados no modelo de capitalização, no qual cada trabalhador contribui para sua própria aposentadoria.