bot ouca radio2

banner dengue

Secretaria da Educação de Itabuna investe na qualificação de gestores escolares

Secretaria da Educação de Itabuna investe na qualificação de gestores escolares

Aperfeiçoar a prática gestora nas escolas da Rede Pública Municipal na perspectiva de assegurar aos alunos o direito de aprender tem sido o norte das ações da Secretaria Municipal de Educação (SEC) de Itabuna. Dentro dessa perspectiva, a secretária Anorina Smith Lima, apresentou para diretores de departamentos e de escolas dois novos cursos ofertados pelo Ministério da Educação, por meio do FNDE no âmbito do Programa Formação Pela Escola, em parceria com a SEC. O encontro, que teve ainda a apresentação do plano de ações das assessorias do departamento de educação básica, ocorreu na terça-feira (30), na Faculdade de Tecnologia e Ciências (FTC).

Continue Lendo

Falta de energia prejudica fornecimento de água em Itabuna

As estações de captação da Emasa em Rio do Braço e Castelo Novo deixaram de funcionar desde a madrugada de domingo, devido a uma pane no sistema elétrico na rede que serve àquelas unidades.
A falta de energia provocou a interrupção em todo o sistema de captação, tratamento e distribuição, prejudicando o abastecimento de todos os bairros que deveriam receber água neste final de semana.
Na manhã desta segunda-feira (30) a Coelba restabeleceu o fornecimento da energia elétrica, mas somente nas próximas horas o bombeamento de água será retomado e o abastecimento normalizado.
A direção da Emasa informa ainda, que decorrência desse imprevisto uma nova planilha de fornecimento de água está sendo elaborada, e será repassada para a comunidade ainda nas próximas horas.

Um mês, por quatro anos! *Joselito dos Reis

Driblando todas as suas dificuldades politicas e de bastidores na justiça eleitoral, eleito com 34.152 mil votos, concorrendo com mais oito candidatos; uma polemica reforma administrativa, necessária, após sua posse, Fernando Gomes, eleito por cinco vezes prefeito de Itabuna, está demonstrando para o que veio para governar este município, dentro de um grande desafio; realizar a sua maior administração.

Itabuna após uma parada no seu crescimento, devido à perda de sua maior economia; o cacau. Estava mesmo precisando de um grande choque de gestão de uma pessoa experiente e que sabe aonde buscar os recursos necessários para excussão de obras pensando na geração de emprego e renda.

O município hoje com 223 mil habitantes, segundo o último senso, já deveria está com 400 mil habitantes, se não fosse a queda do cacau, com o aparecimento da praga “vassoura de bruxa” que foi trazida intencionalmente pela mão do homem, conforme processo arquivado na Policia Federal e o filme “O Nó”.

No seu primeiro mês de gestão o prefeito Fernando Gomes, o único que trabalhou para produzir e ofertar mais água tratada para o seu povo, não se cansa. Neste primeiro mês já conseguiu realizar ações que o gestor anterior, com quatro anos de governo não conseguiu.

Para isso Fernando Gomes jogou as questões partidárias de lado e tomando Itabuna como o seu principal partido, junto ao Governo do Estado trouxe um pacote de obras para esta cidade; conseguiu recursos de 20 milhões para a construção do teatro da cidade, projetos para a construção de duas pontes e instalações de duas passarelas sobre o Rio Cachoeira. Uma delas para ser inaugurada no mês de Julho, deste ano.

Demonstrando grande identificação com o seu povo, anunciou o resgate do Carnaval Antecipado “O Primeiro do Brasil” que acontecerá entre os dias 10 e 12 de Fevereiro, restaurou a Unidade da UPA-Unidade de Pronto Atendimento, que foi inaugurada e abandonada, no Bairro Monte Cristo e com os dirigentes do aeroclube e empresários de Itabuna, tomou a posição de colocar o Aeroporto Tertuliano Guedes de Pinho em operação para a decolagem e pouso de aeronaves de pequeno porte.

Como vê o novo prefeito de Itabuna completando trinta (30) dias de trabalho já fez mais do que os quatros anos da administração passada. Isso tudo, com a promessa e o aval do Governador que prometeu a Fernando Gomes, também, finalizar a construção da barragem que fica localizada no distrito da Estiva no município de Itapé, o que acabará com o problema da falta de água para a população deste município, “Mandaram me chamar estou aqui”.

*Joselito dos Reis
Poeta e jornalista

BARRAGEM FICARÁ PRONTA EM ABRIL 2017

o Prefeito Fernando Gomes, juntamente com uma comitiva, visitou as obras da Barragem do Rio Colônia, situada no município de Itapé, no litoral sul do estado. A comitiva, composta pelo presidente da Câmara de Vereadores de Itabuna, Chico Reis, o vereador Júnior do Trator, o presidente da Emasa, Jader Guedes, o secretário de Sustentabilidade Econômica e Meio-Ambiente, Jhon Vinícius Nascimento e o secretário de Viação e Obras, Chico França, acompanhou de perto o andamento das obras de construção da barragem.
De acordo com o diretor do Consórcio Rio Colônia, Mauro Prates, a barragem será finalizada em meados de abril. A conclusão da obra vai permitir a ampliação do abastecimento regular de água tratada em Itabuna, que enfrenta uma grave crise hídrica, por conta da longa estiagem. Além de beneficiar várias cidades da região.
O equipamento conta com investimentos de R$ 120 milhões, recursos dos governos estadual e federal, e emprega cerca de 140 trabalhadores. A obra é realizada por três empresas através do Consórcio do Rio Colônia, que engloba a Metro Engenharia, Tectran Engenharia e CTA empreendimentos.
Durante a vistoria, Fernando falou da importância da obra para a população itabunense. "Vim acompanhar a obra, que já era pra estar pronta há anos. O Governador Rui Costa está tomando as providências para terminar a barragem e ajudar Itabuna”, afirmou.

BAHIA: DECRETO PROÍBE CAÇA E VENDA DE CARANGUEJO

Do “Bahia Noticias”.

A captura e venda do caranguejo-uçá está proibida na Bahia e outros nove estados após instrução normativa do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento e do Ministério do Meio Ambiente, durante os seguintes períodos: de 13 a 18 de janeiro; 28 de janeiro a 02 de fevereiro; 2° período: de 11 a 16 de fevereiro; 27 de fevereiro a 04 de março; 13 a 18 de março; e de 28 de março a 02 de abril. Além da Bahia, são afetados os estados do Pará, Maranhão, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, da Paraíba, de Pernambuco, Alagoas, Sergipe.

A norma já determinou os períodos de veto à caça do crustáceo em 2018 e 2019. No primeiro, os intervalos de proibição são: 2 a 7 de janeiro; 17 a 22 de janeiro; 1º a 6 de fevereiro; 16 a 21 de fevereiro; 2 a 7 de março, e 18 a 23 de março. No segundo, não se poderá capturar o caranguejo-açu nas seguintes datas: 6 a 11 de janeiro; de 22 a 27 de janeiro; 5 a 10 de fevereiro; 20 a 25 de fevereiro; 7 a 12 de março; e 21 a 26 de março.

Segundo informações da Agência Brasil, os períodos considerados no decreto correspondem à ”andada”, o momento reprodutivo em que os caranguejos machos e fêmeas saem de suas galerias (tocas) e percorrem o manguezal, para acasalamento e liberação de ovos. No caso de pessoas físicas e jurídicas envolvidas na manutenção em cativeiro, na conservação, no beneficiamento, na industrialização ou na comercialização da espécie, a atuação só é permitida caso os profissionais forneçam a relação detalhada dos estoques de animais vivos, congelados, pré-cozidos, inteiros ou em partes, até o último dia útil antes do período de “andada”.

O documento deve ser entregue à unidade do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) no estado correspondente ou no Instituto Chico Mendescara

Trump assina decreto para retirar EUA de acordo com países do pacífico Parceria fechada no TPP por 12 países havia sido assinada por Obama em 2015. Retirada era uma das promessas de campanha de Trump.

O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, assinou nesta segunda-feira (23) uma ordem executiva para iniciar a saída do país do Tratado de Associação Transpacífico (TPP, na sigla em inglês), negociado pelo governo de Barack Obama e visto como um contrapeso à crescente influência econômica e política da China.
A iniciativa é a primeira decisão do novo presidente republicano, que durante a campanha denunciou com veemência o que chamou de acordo "terrível", que "viola", segundo ele, os interesses dos trabalhadores norte-americanos.
"Temos falado muito disso durante muito tempo", disse Trump enquanto assinava a ordem executiva no Salão Oval da Casa Branca. "O que acabamos de fazer é uma grande coisa para os trabalhadores americanos", acrescentou.
MAIS: Qual o impacto do governo Trump na economia do Brasil?
O texto, promovido por Washington e que supostamente modela as regras do comércio do século XXI, foi assinado em 2015, mas não entrou em vigor. Ele previa a liberação do comércio de serviços, como engenharia de software e consultoria financeira.
A administração Obama considerava o TPP como o melhor tratado possível porque inclui não só a eliminação de barreiras comerciais, como também de normas sobre legislação trabalhista, ambiente, propriedade intelectual e compras estatais.
TPP
O tratado foi assinado por 12 países: Austrália, Brunei, Canadá, Chile, Japão, Malásia, México, Nova Zelândia, Peru, Cingapura, Estados Unidos e Vietnã, que representam 40% da economia mundial e um terço do comércio global.
O TPP, que visa reduzir barreiras comerciais em algumas das economias com o crescimento mais rápido da Ásia e se estender do Canadá ao Vietnã, não pode entrar em vigor sem os Estados Unidos.
Ele precisa da ratificação de pelo menos seis países que respondam por 85% do Produto Interno Bruto (PIB) combinado dos países membros.
MAIS: Obama diz que sem TPP China decretará regras do comércio mundial
Várias organizações não governamentais o questionam por alegar que há normas pouco transparentes para os trabalhadores e o meio ambiente. Argumentam ainda que viola normas soberanas de países-membros e limita o acesso a medicamentos.
Resposta da China
A China tem buscado promover sua própria versão de um pacto comercial da Ásia-Pacífico, chamado de Parceria Abrangente Econômica Regional (RCEP, na sigla em inglês), que exclui os Estados Unidos e cria uma área de livre comércio de 16 nações, incluindo a Índia, o maior bloco do mundo nesse âmbito, abrangendo 3,4 bilhões de pessoas.
Trata-se de um acordo comercial mais tradicional, que envolve cortar tarifas em vez de abrir economias e estabelecer padrões trabalhistas e ambientais como o TPP faria.
Nafta
Trump anunciou na sexta-feira (20), dia de sua posse, que exigirá a renegociação do Nafta, acordo de livre-comércio integrado por Estados Unidos, Canadá e México, e vai abandonar o tratado a menos que o país consiga "um acordo justo".
O comunicado, publicado menos de duas horas depois de Trump fazer seu juramento de posse, diz que o novo governo tentará mudar os termos do acordo em vigor há 23 anos. Durante a campanha, Trump afirmou que o pacto gerou desemprego, baixa na produção industrial e perdas econômicas aos EUA.
A indústria automobilística foi um dos principais alvos das críticas do agora presidente. México e Canadá são os principais exportadores de veículos para o mercado americano. Na campanha e após a vitória nas eleições, Trump atacou especialmente as importações vindas do México e ameaçou sobretaxar fábricas construídas fora dos EUA.
Ele disse que os EUA deixarão de perder indústrias e empregos para a China e o México, e ameaçou penalizar empresas que queiram deixar o país, como fizeram com a Toyota e a BMW.
Empregos e impostos
A base econômica de Trump foi a promessa de aumento de empregos, um de seus temas mais frequentes. Trump afirma que pretende aumentar impostos para quem o fizer ou para quem não empregar preferencialmente norte-americanos e chegou a afirmar que quer “obrigar” a Apple a fabricar seus produtos nos Estados Unidos.

Trump, recebeu na manhã desta segunda-feira (23) um grupo de 12 empresários na Casa Branca e prometeu cortes de impostos e a redução de 75% das regulações. "Vamos baixar os impostos maciçamente, tanto para a classe média como para as companhias", afirmou, ressaltando sua vontade de "fazer os empregos voltarem" aos Estados Unidos e favorecer a produção em território americano.(fonte:portal G1)

O presidente dos EUA Donald Trump exibe a ordem executiva da retirada dos Estados Unidos do TPP em seu gabinete na Casa Branca, em Washington (Foto: Kevin Lamarque/Reuters)

Justiça determina sigilo em investigação da morte de Teori Zavascki100

A Justiça de Angra dos Reis determinou, nesta segunda-feira (23), que a investigação sobre o acidente aéreo que matou o ministro do Supremo Tribunal Federal, Teori Zavascki seja sigilosa. A queda do avião, em que morreram outras quatro pessoas, aconteceu em Paraty, na última quinta-feira.  

O caso é investigado pela Polícia Federal e Ministério Público Federal.

As causas do acidente são desconhecidas. A Força Aérea Brasileira (FAB) informou nesta segunda-feira que houve danos na caixa-preta do bimotor que se acidentou na quinta-feira, vitimando o ministro do Supremo Tribunal Federal, Teori Zavascki, e outras quatro pessoas. No entanto, a corporação comunica que ainda não é possível precisar se a gravação de voz também ficou comprometida.

O equipamento é dividido em duas partes. O espaço para a gravação de voz é de grande proteção, ressalta a FAB.

As conversas do piloto Osmar Rodrigues durante o voo são essenciais para apurar as causas do desastre aéreo em Paraty. Além de Teori e o piloto, morreram no acidente no mar o empresário Carlos Alberto Filgueiras, a professora Maria Panas e a massoterapeuta Maíra Panas.

A perícia analisará se o aparelho estava ligado durante o voo, bem como quais conversas foram armazenadas  

.

(fonte: portal uol)

A Justiça de Angra dos Reis determinou, nesta segunda-feira (23), que a investigação sobre o acidente aéreo que matou o ministro do Supremo Tribunal Federal, Teori Zavascki seja sigilosa. A queda do avião, em que morreram outras quatro pessoas, aconteceu em Paraty, na última quinta-feira.  

O caso é investigado pela Polícia Federal e Ministério Público Federal.

As causas do acidente são desconhecidas. A Força Aérea Brasileira (FAB) informou nesta segunda-feira que houve danos na caixa-preta do bimotor que se acidentou na quinta-feira, vitimando o ministro do Supremo Tribunal Federal, Teori Zavascki, e outras quatro pessoas. No entanto, a corporação comunica que ainda não é possível precisar se a gravação de voz também ficou comprometida.

O equipamento é dividido em duas partes. O espaço para a gravação de voz é de grande proteção, ressalta a FAB.

As conversas do piloto Osmar Rodrigues durante o voo são essenciais para apurar as causas do desastre aéreo em Paraty. Além de Teori e o piloto, morreram no acidente no mar o empresário Carlos Alberto Filgueiras, a professora Maria Panas e a massoterapeuta Maíra Panas.

A perícia analisará se o aparelho estava ligado durante o voo, bem como quais conversas foram armazenadas.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

ofertas para você

COMENTÁRIOS 100

Avatar do usuário

  • TODOS
  • MAIS CURTIDOS
  • ESCOLHA DO EDITOR
  1. Avatar de lagofilho

    lagofilho

    1 hora atrás

    Sigilo? Mas porquê? Pra que ? Isso não é bom. Esconder? Esconder de quem ? Sigilo? Não isto não é o que o povo brasileiro quer ? Sigilo? Não . Queremos transparência.

    1. Avatar de JLaerte

      JLaerte

      undefined

      Tem que acabar com segredo de justiça ! Sigilo só pode ter em espionagem internacional, a sociedade exige transparência em assuntos internos do país !

    2. Avatar de Malicuia

      Malicuia

      undefined

      Isto apenas aumenta a desconfiança da população sobre o caso. Autoridades já estão dizendo que a caixa preta do avião está danificada e que o gravador de voz poderia estar desligado. Ou seja, já estão mentido para se necessário, abafar o caso.

    3. Ver mais Respostas
  2. Avatar de Mercenário64

    Mercenário64

    46 minutos atrás

    Investigação Sigilosa, Caixa Preta danificada ? Site da empresa que fabricou o avião na página do modelo foi visitada 1884 vezes no dia 03/01/2017, no dia 01/01 uma vez e no dia 04/01 uma vez, Cenipa vai no angar que estava o avião e recolhe as filmagens do circuito fechado, muito estranho não, será que alguém poderia responder ?

    1. Avatar de aramartis

      aramartis

      9 minutos atrás

      Projeto Arduino.

  3. Avatar de BBLSG

    BBLSG

    55 minutos atrás

    Sigilo, então tem enrosco na linha...

  4. Avatar de Well Rodrigues F

    Well Rodrigues F

    56 minutos atrás

    Ja sabem o porque ne?

    1. Avatar de Jorge Prates

      Jorge Prates

      undefined

      O moro? Pra mim são os aliados do moro que aprontaram essa!

  5. Avatar de Maycon SPFC

    Maycon SPFC

    46 minutos atrás

    Quando retiraram a caixa preta do avião, foi filmado pela TV e o que parecia era que a mesma estava intacta, não tinha sequer um risco ou amassado, porém agora vem dizer que foi danificada e pedem sigilo. Isso me cheira mal, como que aconteceu com o Celso Daniel, com o prefeito de Campinas, Eduardo Campos... O que eles mais querem é arquivar o processo...

    1. Avatar de Mercenário64

      Mercenário64

      33 minutos atrás

      Exatamente Maycon, deram close na tv da caixa e estava intacta, agora a Aeronáutica vem com essa, de estar danificada, quem de nós pobres mortais vai ter acesso pra ver se é verdade.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. 
Leia os termos de uso

Recadastramento de servidores municipais começa na segunda-feira em Itabuna

A Prefeitura de Itabuna, por meio da Secretaria de Administração, inicia na próxima segunda-feira (23) o processo de recadastramento de todos os servidores públicos municipais. A obrigatoriedade da medida se estende aos funcionários dos quadros de ativos, temporários e os licenciados – com ou sem remuneração, incluindo os servidores de fundações e autarquias da administração direta e/ou indireta do município de Itabuna.

Para atender os servidores a Secretaria de Administração instalou o setor de recadastramento nas dependências do Colégio CAIC, localizado no bairro Jardim Primavera, que funcionará das 8h às 17 horas, de segunda a sexta-feira. A previsão do Departamento de Recursos Humanos da Secretaria de Administração é que o recadastramento seja concluído no próximo dia 03 de fevereiro. No CAIC, estarão atuando cinco servidores que atenderão aos demais servidores de acordo com o cronograma estabelecido por ordem alfabética (ver quadro).

No ato de recadastramento será necessária a cópia e originais dos seguintes documentos: Carteira de Identidade (RG), CPF, Carteira de Trabalho, Título de Eleitor, Comprovante de Residência e Certidão de Nascimento dos filhos menores de 18 anos. A princípio, na segunda e terça-feira (23 e 24), serão atendidos os servidores com as inicias do primeiro nome de A, B, C e D. Atualmente, a Prefeitura de Itabuna 7,2 mil servidores. O não comparecimento ao recadastramento implicará automaticamente na exclusão da folha de pagamento.

Segundo o secretário de Administração, Dinailson Oliveira, o objetivo do recadastramento é ter com exatidão um diagnóstico situacional do quadro de funcional. “A partir destas informações de quem são e onde estão lotados estes servidores, além da forma de admissão no serviço público municipal poderemos adotar medidas para corrigir possíveis distorções, inclusive sobre remanejamentos, reenquadramentos e reajustes salarias irregulares”, afirmou.

thumbnail_Dinailson-Oliveira-secretário-de-Administração-de-Itabuna-2_1.jpg

BIOSANEAR ESTÁ MUDANDO A CARA DE ITABUNA

A empresa coletora de lixo de Itabuna, a Biosanear em parceria com a Prefeitura, começou a fazer os serviços de roçagens, pinturas de meio fio, podagens em árvores, varreção e recolhimento do lixo no Centro e em todos os bairros da cidade. Itabuna já mostrou uma cara renovada, principalmente nas entradas da cidade.

BIO6.jpg

MEC ABRE INVESTIGAÇÃO CONTRA A FACULDADE MONTENEGRO

Faculdade-300x225-300x225.jpg

O Ministério da Educação determinou a suspensão de ingresso de novos alunos em todos os cursos de graduação da Faculdade Montenegro, no município Ibicaraí. A decisão foi tomada como medida cautelar, no âmbito de processo administrativo instaurado pela Secretaria de Regulação e Supervisão da Educação Superior, em portaria publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira (23).

De acordo com a portaria, a faculdade, mantida pela Academia de Educação Montenegro, credenciada pelo Decreto Federal nº 98.885 publicado no Diário Oficial da União de 26 de janeiro 1999, não foi recredenciada até a presenta data.

Com a decisão, a instituição fica impedida de realizar vestibular ou transferências em todos os seus cursos. A medida suspende, também, novos contratos de Financiamento Estudantil (FIES) e a participação em processo seletivo para oferta de bolsas do Programa Universidade para Todos (Prouni), bem como restringe a participação no Programa Nacional de acesso ao ensino técnico e emprego (Pronatec). Confira mais no BA24horas.